1 de fevereiro de 2010

DERROCADA NA PRAIA MARIA LUÍSA

Uma derrocada na Praia Maria Luísa, em Albufeira, por volta das 11h25, provocou já 5 vítimas mortais. A manutenção dos trabalhos no local faz prever a existência de mais vítimas.

Um quinto cadáver acaba de ser resgatado na Praia Maria Luísa, em Albufeira, o que eleva para cinco o total de mortes confirmadas na sequência da derrocada, esta manhã, da falésia existente no local. A recuperação deste corpo ocorreu pouco tempo depois dos bombeiros terem retirado do local outras duas vítimas do trágico acidente de hoje. A água do mar, que as improvisadas barreiras não impediram que inundasse o local do desmoronamento, cobriu a zona onde se sabia que estavam as vítimas e atrasou o processo de resgate.

A primeira vítima mortal (um homem de 60 anos) havia sido retirada logo após o acidente e a segunda (uma mulher de 38) viria a falecer já no Hospital de Faro. Os últimos três cadáveres retirados do local são de três mulheres, duas com menos de 25 anos e outra na casa dos 50, contou à Lusa uma fonte do INEM.

Neste momento estão confirmadas cinco mortes, mas suspeita-se da existência de mais soterrados no local, uma vez que os bombeiros prosseguem com as escavações, agora que a maré voltou a baixar.


Uma testemunha que estava na praia Maria Luísa em Albufeira, onde ocorreu esta  derrocada, contou à Lusa que uma parte da falésia desabou e que as rochas se estendem até ao mar.


Reflexão: Achamos esta notícia interessante por recentemente termos abordado o tema da ocupação antrópica em locais de risco. É necessario fazerem-se estudos destes locais de modo a impedir que "desastres" como estes voltem a acontecer.


 
Fonte: http://aeiou.visao.pt/confirmados-cinco-mortos-na-praia-maria-luisa=f526558

Sem comentários:

Publicar um comentário