24 de março de 2010

MARMITAS DE GIGANTE

Tal como o nome diz (Aula de Campo) tivemos oportunidade nao só de ver mas também de assistir a uma explicação por parte do professor Orlando sobre as Marmitas de Gigante.


O que são?
As marmitas de gigante ou marmitas turbilhonares, são depressões, mais ou menos arredondadas, com dimensões bastante variáveis, existentes no leito rochoso de alguns rios e no fundo das quais se encontram seixos e areias.

Qual a sua origem? 
As marmitas parecem ter origem em irregularidades existentes nos leitos rochosos dos rios. Estas irregularidades retêm nas suas proximidades alguns seixos. A acumulação de seixos vai provocar um movimento turbilhonar da água e consequentemente um movimento circular das partículas. Pouco a pouco, devido ao atrito, as partículas vão escavando depressões mais ou menos circulares, no leito do rios, dentro das quais ficam aprisionadas. Com o decorrer do tempo, as depressões aumentam de dimensões e os seixos que estão no seu interior tendem a ficar esféricos.
Apesar de existirem marmitas com vários metros de diâmetro e profundidade, as mais frequentes possuem dimensões na ordem dos decímetros.

Sem comentários:

Publicar um comentário