26 de abril de 2010

Diagénese

        Os sedimentos depositados vão, em seguida, sofrer um conjunto de transformações físicas, químicas e, por vezes, biológicas que conduzem á sua consolidação e transformação numa rocha sedimentar. À medida que novas camadas de sedimentos se depositam sobre as anteriores, elas afundam e a pressão aumenta. Esse aumento de pressão provoca a compactação dos sedimentos ( redução do volume e aumento da densidade por diminuição dos espaços intersticiais) e a sua desidratação ( perda de água) de forma progressiva. Parte das substâncias em suspensão ou dissolvidas na água intersticial precipitam e originam um cimento que liga entre si os sedimentos – cimentação.






Fonte: Terra, Universo da Vida – Geologia

 
Reflexão: Assim, a diagénese é o processo que converte os sedimentos soltos numa rocha sedimentar coerente. Combina processos de compactação e cimentação.

                Durante a diagénese, também ocorre por vezes, a recristalização, verificando-se uma alteração da estrutura cristalina de certos minerais por efeito das condições de pressão, temperatura e composição química do meio envolvente.




Sem comentários:

Publicar um comentário